Rio Tejo

O Tejo é o rio mais extenso (1.007 km) da Península Ibérica, sendo também o maior rio de Portugal. Sua nascente é na localidade Albarracín (1.593 m de altitude), em Aragão, na Espanha, onde é conhecido como Río Tajo.

Passa por cidades importantes tanto na Espanha (Toledo, Aranjuez) e em Portugal (Abrantes, Santarém, entre outras). Sua foz está a apenas 10 km de Lisboa, onde é atravessado pelas pontes 25 de Abril e Vasco da Gama. Guia de Portugal

Rio Tejo visto do Castelo de Almourol © Oswaldo Gago / CC

O Tejo em Portugal

Ao entrar em território português, o Tejo está numa cota abaixo dos 100 m de altitude, na localidade de Vila Velha de Ródão. Após esta localidade, passa pelos concelhos de Gavião e Abrantes, nas terras do Ribatejo.
A cidade mais importante que atravessa, até Lisboa, é Santarém, a capital do Ribatejo.

Tejo no Ribatejo

No Ribatejo, recebe na margem direita, o Rio Zêzere, seu mais importante afluente que nasce na Serra da Estrêla. As terras da margem direita, conhecidas como lezírias são mais férteis do que aquelas da margem esquerda, conhecidas como as charnecas, as quais se extendem até o Alentejo.

Cavalos lusitanos

Nestas terras crescem em liberdade os famosos cavalos puro-sangue lusitanos, os quais fazem parte da paisagem, sendo assim típicos do Ribatejo.

Guia de Portugal
Rio Tejo e Ponte 25 de Abril, em Lisboa © Images of Portugal

Tejo em Lisboa

Foi nas margens do Rio Tejo, em Lisboa, que as naus e caravelas dos descobridores partiram à descoberta do caminho marítimo para as Índias, e, enquanto não chegaram lá, descobriram a África Ocidental, o Brasil e muitas outras terras além-mar.

As Regiões administrativas

Norte

Centro

Lisboa (Estremadura)

Alentejo

Algarve



As Regiões históricas

Estas regiões, inicialmente, eram chamdas de comarcas. A partir do século XVI passaram a chamar-se províncias. Em 1832, o norte foi desmembrado em Minho e Douro. E a Beira foi dividida em Beira Alta e Beira Baixa.
Uma nova divisão em distritos foi feita em 1835.

Entre-Douro e Minho

Trás-os-Montes

Beira

Estremadura

Ribatejo

Alentejo

Algarve



Uma nova divisão em províncias foi feita em 1933.
Na parte norte, as províncias eram: Minho, Alto Douro, e Trás-os-Montes.
A Beira Litoral e a Beira Transmontana foram criadas.
A Estremadura foi dividida em Estremadura e Ribatejo.
O Alentejo foi dividido em Alto Alentejo e Baixo Alentejo.

Em 1936, uma nova divisão tem lugar e a as províncias de Trás-os-Montes e Alto Douro formarão apenas uma província: Trás-os-Montes e Alto Douro. Já a Beira Transmontana deixa de existir. Em 1959, os distritos voltam a ser a divisão administrativa mais importante e em 1976 as províncias administrativas são extintas, sendo apenas, desde então referências regionais para os portugueses.

Os Rios

Tejo

Douro

Minho